Linguas disponíveis

Design

Conheça aqui um pouco sobre os serviços de design nas vertentes mais abrangentes e estruturantes como o design de marca, na qual se pretende um serviço que abrange vários meios de comunicação; o design de produto ou design industrial no qual se trabalha a eficiência e qualidade do objeto ou aspetos relacionados com a otimização da produção; o design de mobiliário onde se pretendem desenvolver produtos específicos para posterior aplicação em projetos de interiores ou em produção em massa; ou mesmo um simples serviço de criação de um logotipo para integração num determinado espaço arquitetónico.

Serviços de Design de Mobiliário

O serviço de design de interiores possui uma componente extremamente cenográfica na medida em que procura sobretudo criar ambientes através da decoração de espaços interiores. Trata-se no fundo de projetar os espaços interiores de modo a resolver as questões funcionais em perfeita harmonia com os aspetos de natureza estética. Tem como base de trabalho o desenho, conjugação e escolha de móveis, objetos, equipamentos, cortinas, tapetes, acessórios, conciliando-os continuamente. Trata-se de planear as cores, os materiais, os acabamentos, as texturas, a iluminação criando ambientes com características únicas. Procura-se do mesmo modo ajustar os objetivos às disponibilidades financeiras do cliente e aos requisitos de funcionalidades objetivos.

 

Âmbito de trabalho do designer de mobiliário

O designer de mobiliário desenvolve mobiliário específico para um determinado espaço e com um objetivo financeiro definido pelo cliente. Com o conhecimento profundo do comportamento estrutural dos materiais e das características estéticas e funcionais de todos os elementos que constroem as nossas peças de mobiliário, o designer cria assim objetos únicos e específicos para um fim determinado. As suas competências ao nível da história do mobiliário e da história da arte tornam-no o profissional indicado para o desenvolvimento de móveis para marcas ou espaços de características ímpares. Tem frequentemente formação académica de arquiteto ou artista plástico.

Serviços de Design de Produto

O design de produto ou design industrial é um trabalho que visa desenvolver o projeto de produtos com vista à sua produção industrial. Isto é, pretende-se adequar as estratégias de ergonomia, estética, cultura e orçamento disponível às necessidades da produção, do mercado e de disponibilidade financeira.

 

Âmbito de trabalho do designer de produto

O designer industrial ou designer de produto é um profissional que tem frequentemente formação de engenheiro, arquiteto ou artista plástico. O seu trabalho dedica-se fundamentalmente ao desenho de produtos devidamente ajustados a uma produção em massa. Compatibiliza o desenho e os materiais escolhidos com as disponibilidades técnicas da indústria e mediante um determinado objetivo de custo por peça.

Dúvidas sobre Design de Mobiliário ou design de produto

Consulte aqui algumas das questões mais frequentes colocadas aos designers no momento de projetar novas peças de mobiliário ou na conceção e desenvolvimento de produtos.

Podem desenvolver um produto com um design mais funcional e amigo do ambiente, mas sem acrescentar custos à produção?

Sim, claro.

Filosofia de Design no atelier

No que ao design diz respeito temos várias estratégias conjuntas tais como ser funcional, barato, atraente e amigo do ambiente. Estes conceitos não só não se opõem como se reforçam mutuamente. Estamos dispostos a conhecer e aprender consigo os seus processos de produção e as suas estratégias. Assim desenvolveremos um design funcional, competitivo, aliciante e ecológico

Fale com os nossos arquitetos e designers e estes poderão certamente esclarecê-lo melhor.

Posso fazer um contracto para design industrial de vários produtos sem ser mobiliário?

Com certeza que sim. Temos incursões na área do design gráfico e design web que começaram como experiências e acabaram por se transformar em prestação de serviços. Contacte os nossos arquitetos e proponha-nos um desafio.

A engenharia traz inovações ao design?

Sem dúvida que sim.

Da engenharia nasce inovação

Novas soluções de design por arquitetos ou designers só são possíveis se novos materiais e soluções de engenharia aparecerem para dar suporte a essas criações.

Um arquiteto faz também design?

Depende da relação do objeto com a arquitetura.

Relação entre design e arquitetura

Se o Design for integrado em arquitetura deverá ser feito por arquiteto. Se o Design é destinado à produção industrial e não é previsto um espaço arquitetónico tipo, então o arquiteto não está tão bem preparado como o designer. O designer industrial deverá conhecer melhor o processo industrial, as máquinas, os materiais, as tendências e os estudos de mercado.

O que faz o engenheiro no design?

Um engenheiro é fundamental porque calcula soluções procura materiais com novas características para dar resposta às ideias do arquiteto e do designer.

Os arquitetos também têm formação de designer de produto?

Alguns arquitectos de facto têm competências para desenvolver design de producto. E quando têm possuem até algumas vantagens relativamente aos designers convencionais.

Vantagem dos arquitetos ao trabalhar sobre o design

Os arquitetos conseguem trazer um conhecimento da arquitetura para o design. Assim, este conhecimento é útil não só pelo conhecimento de materiais e estruturas como pela relação que os objetos estabelecem com os edifícios onde se inserem.

Vou mudar a imagem da empresa. Qual a abordagem dos arquitetos e designers gráficos da utopia?

Nós analisamos a sua marca, os seus clientes e os seus produtos.

Adicionalmente, criamos uma imagem gráfica que permita comunicar as qualidades e o valor do seu produto e empresa aos clientes de modo eficaz e elegante, tal qual como fazemos na arquitetura quando reformulamos o edifício sede de uma empresa.

Como abordam o design industrial?

Os designers da Utopia costumam diferenciar um pouco o design de produto do design industrial. O design industrial para nós já significa ter em conta o aspeto produtivo do produto a produzir. Nesse sentido, pode-se dizer que desenhamos o produto em função das máquinas e estratégia de produção, muito embora por vezes seja necessário para nós introduzir melhorias no aspeto produtivo para obter outras características no design do próprio produto em questão.

Podem redesenhar produtos para a minha empresa baixar custos no transporte?

Sem dúvida. A primeira coisa que vamos fazer é desmontá-los para não os transportar, nem ar, nem cargas demasiado pesadas. Depois vamos encadeá-los de modo a serem otimizados para transporte e exportação. Fale com um designer da Utopia e verifique a qualidade e custo deste nosso serviço de design de produto para exportação.

Qual a diferença de abordagem entre o design gráfico vs web design?

Nós arquitetos costumamos dizer que o web design é design gráfico em movimento. Apresenta assim novos desafios de organização no tempo e espaço, requerendo estratégias algo distintas.

Web design vs Design gráfico

O design gráfico é estático prevendo-se antecipadamente as formas de apresentação. O web design deve prever diferentes dispositivos e formatos de apresentação flexíveis.

Como calculam os honorários de projetos de design?

É simples e claro.

Calcular de honorários de design

Temos um custo à hora do designer no escritório. Calculamos as horas necessárias para o projeto de design. No fundo tudo vai discriminado na nossa proposta de prestação de serviços de design.

Os arquitetos designers apresentam os produtos em imagens 3d?

Sem dúvida que sim.

Os projetos de design de produto têm também como nos projetos de arquitetura um acompanhamento com maquetes e imagens 3d de modo que o cliente visualize o produto do designer com mais rigor e qualidade.

A Utopia ajuda-me a desenvolver produtos para serem testados no mercado antes da produção?

Sem dúvida que sim. Aliás, antes de serem produzidos consideramos que todos os produtos devem passar um teste de estudo de mercado.

Estudos de mercado com protótipos

Os elementos de design que criamos possuem imagens e maquetas em suficiente número e qualidade para desenvolver um estudo de mercado rigoroso que antecipe o sucesso de determinado produto.